• Fispal Tecnologia is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Gestão

Como treinar funcionários para gerenciar máquinas de alta tecnologia?

Um estudo elaborado pelo SENAI revelou que, entre 2017 e 2020, o Brasil terá de qualificar 13 milhões de trabalhadores para ocupações industriais de nível superior, técnico e de qualificação. A alta demanda é um reflexo da Indústria 4.0 que já está consolidada em países desenvolvidos como a Alemanha, mas, no Brasil, ainda segue dando os primeiros passos.

Dentre os setores que irão demandar treinamento de funcionários, o de alimentação está em quarto lugar, com 1,2 milhão de profissionais que deverão passar por uma capacitação especial para se adaptarem à nova forma de produzir. Afinal, a Manufatura Avançada, como também é chamada a Indústria 4.0, une a tecnologia da Internet das Coisas (IoT) com a rápida automação, trazendo um cenário diferente para as fábricas da área de alimentos e bebidas, por meio de robôs que se mostram cada vez mais participativos e máquinas de alta complexidade e grau de tecnologia que vão exigir, é claro, uma mudança no perfil dos profissionais.

Neste processo, obviamente, o treinamento é fundamental. Mas você sabe, exatamente, como fazê-lo?

“Primeiramente, o colaborador deve estar preparado para passar por essa mudança. Se a pessoa tem vontade, a mudança tende a ser mais fácil, por ser apenas um processo”, ressalta Antônio Carlos Cabral, coordenador do curso de Engenharia de Produção do Instituto Mauá de Tecnologia. Além de vontade, o modelo industrial precisa de pessoas com formações específicas, que saibam lidar om áreas distintas e possuam um diferencial.

Diante disso, confira, a seguir, como treinar os funcionários das indústrias de alimentos e bebidas para gerenciar máquinas de alta complexidade e tecnologia dentro do conceito da Indústria 4.0.

Como treinar o profissional para a Indústria 4.0?

Como a Indústria 4.0 exige um maquinário diferenciado, ela torna de extrema necessidade o treinamento de funcionários para operá-lo corretamente. Essa formação pode partir de dentro da empresa, com um movimento interno bem orquestrado, como, também, com a vinda de alguém de fora que possa auxiliar no funcionamento da nova tecnologia. A forma como vai ser dado esse treinamento vai depender muito de cada negócio.

“Uma empresa com base sólida e diretriz bem definida pode não precisar de alguém de fora para desenvolver o treinamento de funcionários, entretanto, de modo geral, a realidade das indústrias brasileiras é a da necessidade de um auxilio externo”, enfatiza o especialista.

Além de um treinamento dentro da empresa para lidar com as tecnologias, é necessário um esforço por parte do profissional. A indústria pode, além de proporcionar uma formação interna, adotar medidas de incentivo a uma formação complementar ou mesmo de nível superior.

Mas essa é uma iniciativa que deve partir do próprio funcionário, que precisa perceber – por conta própria – que esse novo modelo de indústria exige um preparo especial. Além disso, precisa ter em mente que, aqueles que demostrarem estar mais interessados, com maior conhecimento e disposição, vão sair na frente e se manter competitivos dentro da Indústria 4.0.

Continue acompanhando o nosso canal de conteúdo para saber mais sobre o treinamento de funcionários do setor de alimentos e bebidas para a Indústria 4.0 e até a próxima. 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *