• Fispal Tecnologia is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Inovação

Vantagens das garrafas de alumínio para a indústria de bebidas

As inúmeras vantagens das embalagens de alumínio, como os altos índices de barreira entre o alimento e o ambiente e a possibilidade de reciclagem, ganham um componente extra quando falamos das garrafas produzidas com o material: o formato especial e a possibilidade de conquistar um mercado diferenciado.

É verdade que as garrafas de alumínio de refrigerantes e cervejas ainda são uma novidade no país, mas, como analisa Claudia Zalaoum, gerente de contas da Impacta Brazil, a indústria de bebidas está diante de um nicho de imenso potencial.

“Trata-se de um mercado novo. Ainda não temos como dimensionar o seu tamanho, mas podemos dizer que a novidade, focada em produtos premium, tem sido bem aceita no mercado”, conta.

Em recente pesquisa internacional, consumidores revelaram a preferência por inovações quando o assunto é embalagem. Para mais de 77% dos entrevistados de países desenvolvidos e emergentes, incluindo o Brasil, as marcas estão no caminho certo ao adotarem novas soluções.

O levantamento, realizado em 2014 pela MeadWestvaco Corporation (MWV), além da expectativa por novidades, mostra que o consumidor está atento a conveniência, segurança, facilidade de uso e sustentabilidade das embalagens – necessidades muito bem atendidas pelas garrafas de alumínio que, além da reciclabilidade (100%) e a leveza (otimização do transporte), oferecem a vantagem de ajudar a bebida a gelar mais rápido (redução do consumo de energia).

Confira, a seguir, outras vantagens das garrafas de alumínio.

  • Não quebra no transporte;
  • Evita parada de máquina e perda no processo, já que, quando uma garrafa de vidro se quebra, ocorre um procedimento das indústrias de bebidas que obrigam o descarte de parte da produção;
  • Permite dispensar a produção e a colocação de rótulo;
  • A tampa utilizada é a mesma da garrafa de vidro. Assim, o processo produtivo entre ambas requer apenas pequenos ajustes;
  • A exposição da garrafa no forno de secagem do verniz já proporciona sua esterilização;
  • A empresa interessada em desenvolver pode gerar um sistema de retorno e vender as garrafas para empresas de reciclagem.
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 1,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *