Fispal Tecnologia faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

alimentos-processados-tendencias-fispal-tecnologia

Conheça o novo perfil dos alimentos processados

Mesmo com a desaceleração da economia brasileira, há setores que vêm se destacando em meio à crise. Um exemplo disso é o mercado de alimentos processados que está crescendo, em média, 6% ao ano no Brasil. Esse alto índice de crescimento é atribuído ao fato de que os alimentos processados, em sua maioria, estão presentes nas refeições básicas do brasileiro.

No café da manhã, por exemplo, eles marcam presença por meio do leite, café, chá, chocolate em pó, sucos, torradas, bolos, pães, biscoitos, manteiga, requeijão, frios, cereais, mel, entre outros. No almoço e jantar, o arroz e o feijão também entram na lista, assim como o óleo de cozinha, o azeite, as carnes refrigeradas e congeladas, as massas alimentícias, os molhos e os temperos.

Apesar disso, ainda hoje, existem diversos mitos ao redor da categoria. Há quem acredite, por exemplo, que os processados são totalmente nocivos à saúde, por apresentarem muita gordura, sódio e ingredientes que comprometem a saudabilidade do consumidor. Mas não é bem assim. A grande maioria deles é fabricada seguindo normas rígidas de segurança do alimento e traz, cada vez mais, ingredientes essenciais para a saúde.

Tendências na área de alimentos processados

Tendo em vista a tecnologia que envolve a produção dos alimentos processados, foi lançado, em 2010, o documento Brasil Food Trends 2020, no qual foram identificadas as grandes macrotendências do consumidor de alimentos processados. Mesmo após sete anos, elas seguem bem atuais, uma vez que as tendências são previsões de comportamento que levam algum tempo para serem plenamente adotadas.

Além disso, pode-se destacar que a ênfase de cada macrotendência varia conforme as diferentes categorias de alimentos processados e, nesse sentido, estudos setoriais como o Brasil Bakery & Confectionery Trends 2020, lançado em 2014, e o Brasil Beverage Trends 2020, que foi publicado em 2016 e será lançado na Fispal Tecnologia deste ano, se mostram igualmente importantes e fundamentais para a compreensão desse mercado.

"A busca por alimentos mais nutritivos e funcionais tem crescido muito nos últimos anos e representa um grande movimento mundial no mercado de consumo, além de uma importante valorização de produtos de maior valor agregado e conveniência", destaca Raul Amaral, coordenador técnico da Plataforma de Inovação Tecnológica do Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL).

Além disso, chama a atenção a quantidade de novos produtos que estão surgindo para acompanhar o movimento do mercado e as mudanças de comportamento e preferência do consumidor moderno.

"Sucos que misturam frutas e vegetais, seguindo a tendência de 'beber vegetais', além de alimentos e bebidas funcionais, são algumas das novidades entre os processados. Muitos produtos tradicionais estão sendo apresentados em versões com menos calorias ou com adição de proteínas, fibras, vitaminas e minerais", comenta o especialista.

Entre as tendências de alimentos processados, destacam-se também:

  • Produtos gourmet: seguindo as tendências de conveniência e sensorialidade, as refeições prontas estão muito mais variadas, com opções de fabricação artesanal e gourmet.
  • Fragmentação das refeições:  a tendência tem gerado os chamados snacks sólidos e líquidos com frutas, vegetais e cereais diversos - um tipo de processado mais nutritivo para uma alimentação rápida, que, muitas vezes, é requerida pelos consumidores que passam cada vez mais tempo na rua e não têm tanto tempo para o preparo de todas as suas refeições.

Quer saber mais sobre as tendências do mercado de alimentos processados? Siga acompanhando nosso canal de conteúdo e fique por dentro dos principais temas do setor. 

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar